Megafauna

Os mamíferos gigantes do Brasil da Pré-História 

Muito pouco se conhece da Pré-História brasileira. O período denominado Pleistoceno – de aproximadamente 2,5 milhões a 10.000 anos atrás – é especialmente rico em diversidade de espécies animais, marcado principalmente pelo surgimento da espécie humana como a conhecemos hoje. Durante esse período, a América do Sul passou por transformações geográficas e climáticas radicais, que resultaram na extinção em massa de uma incrível megafauna. Mastodontes, tigres-dentes-de-sabre, preguiças gigantes, tatus gigantes são alguns dos “monstros” que caminharam sobre as Américas num passado não muito distante.

painel_masto_xeno_glipto_pequeno_s

Os principais indícios desta ocupação estão evidentes em vários locais do Brasil e, particularmente, na Chapada Diamantina, onde, além de fósseis, é notável a riqueza de testemunhos humanos pré-históricos, registrados em pinturas rupestres.

screen-shot-2016-08-11-at-11-36-18-am

 

 Mas podemos acreditar nelas?

Atestando aquilo que os paredões rochosos nos trazem na forma da arte de nossos antepassados, as cavernas e solo das Américas nos guardaram os fosseis – ossos e dentes – desses gigantes mamíferos. E encontrar um “pedaço” desta Pré-História pode ser uma tremenda emoção!

fosseis

Instigar a curiosidade pela nossa história, começando pela Pré-História, é de fundamental importância para um maior interesse sobre nossas origens. Conhecendo mais a fundo as raízes de sua história, acreditamos que o brasileiro dedicará mais atenção à preservação do patrimônio histórico e pré-histórico em nosso país.